Terça-feira, 19 de Abril de 2005

A FORÇA DO DESEJO

Eu gostaria saber dizer
Aquilo que diz a musa
Sem ter a mente confusa
Tudo assim a florescer
Qual aroma a desprender
Daquele perfume que usa
Aquela mulher que abusa
Da bondade do meu ser.

Eu gostaria de saber sentir
O sentimento que sente
O peito da nobre gente
A elevar-se a emergir
Para depois não carpir
Em estalo deprimente
E mostrar-me repelente
Com vontade de fugir.

Eu gostaria de saber amar
Com aquele amor tão puro
Que não se sente inseguro
Nunca e em algum lugar
E pelos ventos enviar
As mensagens do futuro
Das perspectivas que auguro
Deste meu breve passar.


João Miranda
publicado por João Miranda às 01:10
link do post | comentar | favorito
|
1 comentário:
De Anónimo a 20 de Abril de 2005 às 18:28
Simplesmente um sonho ***** este teu dizer ***** adoro - te meu Poeta Lindo ***** Maria *********Maria****
</a>
(mailto:)


Comentar post