Segunda-feira, 11 de Abril de 2005

GERAÇÂO DE GRÂNDOLA

Grândola cantou como ele sabia
Era uma homenagem a uma terra
Sonha que iria servir
Uma cantiga desta era.

Traz outro amigo também
Para não esquecer quem nos quer
Amigos que nos querem bem
Quando a luta um dia vier.

Cantigas de Maio
Quem diria o que era a vida
Zeca será sempre lembrado
Nem que seja um só dia.

Fez das suas canções
Uma luta de dia a dia
Zeca não tinha ilusões
Cantar também ajudaria.

Zeca por muitos lados viajou
Cantava para os trabalhadores
Ele sempre cantou
Tivesse saúde ou dores.

Com lembrança e realidade
Uma geração que o poeta não esqueceu
Ouvir música do Zeca com saudade
Para amigos Zeca não morreu.


João Miranda
25-Abril-2002



publicado por João Miranda às 23:48
link do post | comentar | favorito
|
1 comentário:
De Anónimo a 12 de Abril de 2005 às 00:08
Muito bom..lindo!!Alentejo linda regiao!!:))

Vou voltar

kissBastet
(http://magariincancellabile.blogspot.com/)
(mailto:salsaeamor@hotmail.com)


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Abril 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30


.posts recentes

. QUERO AMAR-TE

. ...

. SEM MEDIDAS

. TEU OLHAR

. SE A LUA FOSSE

. SONHEI

. ...

. SÓ UM SONH...

. ...

. SONHO

.arquivos

. Abril 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Abril 2007

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

blogs SAPO

.subscrever feeds