Terça-feira, 7 de Abril de 2009

QUERO AMAR-TE

 

Amar-te como nunca amei ninguém

Quero beijar-te como ninguém

Algum dia te beijou

Quero desejar-te nas minhas horas

De loucura

Quero andar à procura

Dos teus cinco sentidos

Quero ficar perdido extasiado

Na mais profunda desventura

Quero este querer

Me saiba a sal

Me saiba a mar

E no teu corpo deixar

As marcas da paixão

Que nos façam esquecer

O dia que renasce

Nas horas esquecidas

Guardadas no coração

Em cada beijo a minha marca

Em cada desejo o meu delirio

Da mais perfeita loucura

Nas minhas amarras vou prender-te

E aprisionar tua emoção

Quero querer-te assim

Porque o meu querer não tem fim

 

João Miranda

publicado por João Miranda às 15:31
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Abril 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30


.posts recentes

. QUERO AMAR-TE

. ...

. SEM MEDIDAS

. TEU OLHAR

. SE A LUA FOSSE

. SONHEI

. ...

. SÓ UM SONH...

. ...

. SONHO

.arquivos

. Abril 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Abril 2007

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

blogs SAPO

.subscrever feeds