Segunda-feira, 26 de Dezembro de 2005

PARA MIM

AFASTA-TE
Afasta-te daquele que te tortura
Engana abraça
E foge sem deixar rasto.
ACARICIA
A alma dormente e saudosa
Que a névoa dos teus olhos não deixa ver.
BEIJA
A testa face e lábios
Do mundo que encontras-te
Deixando para trás
A vergonha que tinhas de ser quem és
GRAVA
No teu coração os momentos que vives
Aqueles que fazem a tua vida
Mas não voltaram jamais...
RECORDA
Recorda com saudade
O que fez de ti homem
O que sem procurar achas-te
E sem dares por isso te fez feliz!!!


João Miranda
(15-08-2003)
publicado por João Miranda às 22:03
link do post | comentar | favorito
|
4 comentários:
De Anónimo a 15 de Fevereiro de 2006 às 21:08
Olá
Sou dos Açores e hoje visitei o seu blog pela primeira vez, gostei imenso de ler os poemas. O blog está óptimo, muitos parabéns.Galeriacores1
(http://arauto.blogdrive.com)
(mailto:Galeriacores@gmail.com)


De Anónimo a 14 de Fevereiro de 2006 às 23:58
Recordar como diz a canção é viver. Bj.isabel
(http://www.sintonia.blogs.sapo.pt)
(mailto:isabel_espadinha@msn.com)


De Anónimo a 2 de Janeiro de 2006 às 00:43
BEIJOS DE ANO NOVO*************************Maria****Maria****
(http://www.OMeuSonhoLindo.Zip.Net)
(mailto:mariadacaparica1999@yahoo.com.br)


De Anónimo a 30 de Dezembro de 2005 às 23:28
Te desejo tudo de bom para 2006,
BeijinhosArmanda
</a>
(mailto:)


Comentar post