Quinta-feira, 2 de Março de 2006

MAR

O mar,
Esse grande mar...
Tão cheio de sonhos e promessas,
Guarda no seu leito as mágoas
E deixa fluir as águas
Que cheias de lágrimas e suor,
Se deixam levar pelo vento...
Mar imenso e quase infinito,
Deixa que o teu rumo seja o meu,
Deixa que o meu sonho seja o teu
O de ir e voltar
O de ficar e partir,
O de sentir e não sentir,
O de te entregares ao mundo
Num vai e vem de marés,
Deixa-me molhar os meus pés
Em tuas águas tão livres
E calar as minhas palavras
Em cada som que tu dizes.
Mar salgado,
És o meu mar meu mar que tão profundo,
Calas o som dos pescadores
E inundas de ti mais de meio mundo.
És salgado,
És tu,
Só tu,
E de seres tanto teu,
Tenho pena de não ser teu
E todo tu seres meu.
Seriamos um só.
Um só contigo queria ser,
Para afundar o meu íntimo
E em ti me sentir morrer...


João Miranda
publicado por João Miranda às 00:58
link do post | comentar | favorito
|
7 comentários:
De Anónimo a 7 de Março de 2006 às 14:54
Ha quanto tempo !!!!!!!!!!! saudades muitas !!!!!!!!!!!!!!! Beijinhos e Abracinhos..............Maria****Maria****
(http://www.OMeuSonhoLindo.Zip.Net)
(mailto:mariadacaparica1999@yahoo.com.br)


De Anónimo a 7 de Março de 2006 às 10:26
Mar salgado de mil marés / mar cheio de sonhos profundos / trás de novo mil ondas mil queixumes /trás a força num múrmurio / cobre esta terra do teu manto branco suave / mar imenso que cai a teus pés.isabel
(http://www.sintonia.blogs.sapo.pt)
(mailto:isabel_espadinha@msn.com)


De *****Maria***** a 17 de Abril de 2006 às 14:56

Template novo !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
Esta lindo todo Verdinho da cor do meu lagarto!!!!!
Por onde andas?
Aparece aqui no outro comentario "ANONIMO" eu nunca deixo comentarios anonimos :(.................
Beijinhos de chocolate ainda com sabor a Pascoa!
Adoro-te Amigo
*****Maria*****


De MariaGringa a 23 de Abril de 2006 às 04:54
SER POETA
Ser poeta e' ser mais alto, e' ser maior
Do que os homens! Morder como quem beija!
E' ser mendigo e dar como quem seja
Rei do Reino de -quem e de Alem Dor!

E' ter de mil desejos o esplendor
E nao saber sequer que se deseja!
E' ter ca' dentro um astro que flameja,
E' ter garras e asas de condor!

E' ter fome, e' ter sede de Infinito!
Por elmo, as manhas de oiro e de cetim...
E' condensar o mundo num so' grito!

E e' amar-te, assim, perdidamente...
E' seres alma, e sangue, e vida em mim
E dize-lo cantando a toda a gente!

Florbela Espanca

Beijinhos
Abracinhos
*****Maria*****


De MariaGringa a 25 de Maio de 2006 às 15:17

Beijos e Abracos Saudosos
Maria


De valeria a 19 de Setembro de 2006 às 02:20
esse mar q um dia eu pensei que fosses cruzar, e em meus braços uma vez ficar, sonhos? palavras? foram de onda em onda levando para o mais profundo e escuro, repousar e lá ficar.
só Deus sabe o quanto me fizeste sonhar e foram lindos e doces, conheci o teu encanto, delicadeza, entre os mortais és e sempre serás o meu adorado amor. da sua e sempre amiga q nunca te esquece . valeria.


De MariaGringa a 3 de Abril de 2007 às 14:36
Esperando que estejas bem aqui deixo os meus
Abracinhos e Beijinhos
****Maria****


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Abril 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30


.posts recentes

. QUERO AMAR-TE

. ...

. SEM MEDIDAS

. TEU OLHAR

. SE A LUA FOSSE

. SONHEI

. ...

. SÓ UM SONH...

. ...

. SONHO

.arquivos

. Abril 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Abril 2007

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

blogs SAPO

.subscrever feeds