Domingo, 4 de Dezembro de 2005

RIO DOURO

Azul é a tua cor
Azul é o teu leito
Então também rasgada
A tua barra pelas ousadas naus
Do Infante
Da tristeza de uma balada
Erguida ou conduzida pelas vagas
Mais sublimes
Foste és e serás a esperança
De uma noticia guardada
No coração das tuas gentes humildes!
Rio Douro
Teu leito imenso que grita pelas cordas
De uma guitarra doce
Toda uma saudade eterna e companheira
Primorosamente fechada numa balada
Tão tua
Para com um encanto depois
Ser cantada pelo Rui Veloso
Mergulhado num rio
Que bem acalentar o meu coração.


João Miranda
publicado por João Miranda às 23:09
link do post | favorito
|
Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Abril 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30


.posts recentes

. QUERO AMAR-TE

. ...

. SEM MEDIDAS

. TEU OLHAR

. SE A LUA FOSSE

. SONHEI

. ...

. SÓ UM SONH...

. ...

. SONHO

.arquivos

. Abril 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Abril 2007

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

blogs SAPO

.subscrever feeds