Quarta-feira, 18 de Agosto de 2004

MULHER

Mulher escrita...
Mulher poema...
Mulher espera...
Mulher amiga...
Talvez
Pelo beijo
Mais antigo...
Daquele
Amante querido!
Nela mesmo
Tanta espera
Tanto querer...
Vida
Sentias em ti...
Sorrias
Mais um dia.
Mulher dor
Esboças
Nos lábios de romã
Um sorriso
De amor
Paixão,
Logo
Em seguida...
Aquele ser frágil
Completa o presente
Passado e futuro!
Mais um dia...
De carinho
De flores
Mesmo
Sem as ter...
O amante
Amigo
Deixou!
Deixou de ser...
Mas
O teu ser
Frágil
Indefeso
Continua
Esperando
Sempre por ti.


João Miranda
publicado por João Miranda às 21:32
link do post | comentar | favorito
|
2 comentários:
De Anónimo a 19 de Agosto de 2004 às 12:35
Completamente em falta para com o seu Blog pois a esta hora ja devia aqui estar o seu Poema diario!!!!
:-)
maria
</a>
(mailto:mariadacaparica1999@yahoo.com.br)


De Anónimo a 18 de Agosto de 2004 às 22:05
Continuo sempre dizendo e nao me arrependendo
L
I
N
D
A
Que deliciosa deve ser essa tua fonte de inspiracao.....
:-))
mariamaria
</a>
(mailto:mariadacaparica1999@yahoo.com.br)


Comentar post