Sexta-feira, 6 de Agosto de 2004

PROFUNDO

Tens em mim um refúgio
Quando houver fragilidade
Há um universo
Onde podes contemplar
A vida num verso.
Um tempo para sonhar
Se a ilusão for fria
E te faltar a alegria
Tens em mim
Um cais de abrigo
Um refúgio
Um ombro amigo.
A vida é uma pintura
Em tons claros
De ternura.
E um sonho por acordar
É manhã em nós
A despertar!


João Miranda
publicado por João Miranda às 01:48
link do post | comentar | favorito
|
13 comentários:
De Anónimo a 9 de Agosto de 2004 às 09:17
Princesa, sinceramente não sei onde foste buscar essa idéia, mas se assim fosse ficava mto feliz por ter contribuído para que o João fizesse poemas tão lindos e sublimes. BeijosLuka
(http://lukadedicaati.blogs.sapo.pt)
(mailto:ALuka2004@sapo.pt)


De Anónimo a 9 de Agosto de 2004 às 02:11
Manuel João obrigado pelos seus comentários.Um abraço.
João MirandaJoão Miranda
(http://letraaletra.blog.sapo.pt)
(mailto:joaomiranda@sapo.pt)


De Anónimo a 9 de Agosto de 2004 às 02:10
Lenass. Obrigado pelo comentário.
João MirandaJoão Miranda
(http://letraaletra.blog.sapo.pt)
(mailto:joaomiranda@sapo.pt)


De Anónimo a 7 de Agosto de 2004 às 10:00
Todos nós procuramos um cais de abrigo. A poesia pode ser um desses portos seguros... obrigada por partilhares estes versos ;) Bjsridufa
(http://luzde1vela.blogs.sapo.pt)
(mailto:ridufa@net.sapo.pt)


De Anónimo a 6 de Agosto de 2004 às 19:56
Profundo... quanta profundidade o poema o título e os sentimentos... Um abraçoNuno
</a>
(mailto:manuel45@aeiou.pt)


De Anónimo a 6 de Agosto de 2004 às 19:55
já vi que anda por aqui muitas princesas de nik comigo são duas mas quem não sonha com poemas como este? Parabéns João a ti é á musa que te inspiraprincesa
</a>
(mailto:princesa@aeiou.pt)


De Anónimo a 6 de Agosto de 2004 às 19:51
não é só o tema que é profundo o poema também...
um abraçoJoão
</a>
(mailto:manuel_joao@netcabo.pt)


De Anónimo a 6 de Agosto de 2004 às 19:22
Olá João lindo poema, não deixes de expremir o que sentes, não ligues para quem te diz coisas tristes, o mais importante é tu seres feliz e sorrires... beijinhos PS... o mail é falsoLena
</a>
(mailto:lenass@sapo.pt)


De Anónimo a 6 de Agosto de 2004 às 14:42
Luka. fico feliz por seres tu a mulher que está a inspirar o João para tão lindos poemas espero que o consigas fazer feliz, beijinhos para os doisPrincesa
</a>
(mailto:princesa_45@sapo.pt)


De Anónimo a 6 de Agosto de 2004 às 12:37
lindo, adorei o poema! BEIJOScatarina
(http://euninguem.blogs.sapo.pt/)
(mailto:catpoderoso@sapo.pt)


Comentar post