Sexta-feira, 23 de Julho de 2004

CARTA

Uma carta
Poderá trazer alegria
Desespero, felicidade
Pedaços de uma saudade
Farrapos de vida e esperança
Ser pura como o beijo de uma criança
Ou ferir como a crueldade
Poderá ser um grito de esperança
Um adeus à mocidade
Poderá ser crime, calor
Ou gemidos de amor
O despertar da madrugada
Numa alma magoada
Poderá ser tudo
Ou não ser nada
Ser a revolta o prazer a dor
Ou apenas trazer
A mensagem de um grande amor.


João Miranda
publicado por João Miranda às 20:19
link do post | comentar | favorito
|
1 comentário:
De Anónimo a 26 de Julho de 2004 às 11:41
LINDO POEMA, realmente uma carta pode ter tudo ser alegre ou triste trazer o fim de um amor ou quem sabe o começo de um namoro, parabéns pelo belo poema,, BeijinhosPrincesa
</a>
(mailto:princesa_45@sapo.pt)


Comentar post